Artigo

Tomorrow Never Knows

Esta é a reedição de um post de 01/11/06

Nestes últimos dias tive uma overdose beatlemaníaca, jantando aos prazeres dos cinco DVDs The Beatles Anthology.

São ótimos, mas o tempo todo eu tinha duas péssimas sensações:

1- Eu jamais poderei ir ao show dos Beatles

É terrível saber que nasci tão tarde para estar lá, diante deles, dançando e cantando ao som de “Love me do” e de tantas outras. Mas depois, vendo o Anthology, percebi que talvez eu pudesse não gostar deles simplesmente porque o nível de loucura das fãs era tão grande que não se ouvia nada nos shows. Elas gritavam o tempo todo e era ensurdecedor. Os próprios beatles não se ouviam para cantar. Talvez, eu teria deixado de gostar dos Beatles só por conta da exposição ridícula das fãs maníacas e pensasse “bando de grupinho pop e besta”. Ou então, na melhor das hipóteses, iria gostar do grupo mas não teria aproveitado nenhum show mesmo assim, porque não suportaria estar lá, no meio de tanta gritaria. Ficaria satisfeira em vê-los na TV.

2- Mataram o John

A segunda coisa que me angustiava o tempo todo era pensar que mataram o John Lennon com cinco tiros a troco de nada. Só mesmo alguém em estado de total insanidade para cometer o que eu acredito ser um dos maiores erros da humanidade. Não tem o que se comentar…

Fica aqui o meu desabafo.

E para quem gosta do assunto, amanhã é o último dia para ver o documentário Os Estados Unidos Contra John Lennon, na 30a. Mostra Internacional de Cinema São Paulo.

Comentários (9 comentários)

É sinônimo de “Música” :)

rbp / July 22nd, 2008, 8:04 pm / #

BTW, bem-vindo!

rbp / July 22nd, 2008, 8:05 pm / #

Deixe aqui seu comentário