Artigo

Boneca de pano

Gosto de festas à fantasia. Não tanto pelo que é, mas sim pelo preparo que exige. Elaborar uma fantasia está entre as coisas que mais me entretém, por isso, prefiro prepará-la a alugá-la pronta. Até porque, em cada festa repetem-se a meia dúzia de piratas, o monte de batmans, a mulher maravilha, o chávez, quando não o chapolin e todos os outros que são de praxe. Tudo alugado.

Fantasia ideal é aquela que você monta com o que tem em casa, com as referências do seu universo cognitivo, do que você já leu, assistiu e ouviu. Não significa que eu seja muito criativa no que uso, tampouco que nunca tenha alugado uma fantasia. Busco, entretanto, pensar a respeito e elaborar algo que pareça legal. Nem sempre o resultado é como gostaria, mas pelo menos me divirto um bocado na construção do meu personagem.

Boneca

Boneca

Na última festa, montei uma fantasia de boneca de pano. A inspiração para os detalhes partiu da Sally, a boneca de “The Nightmare before Christmas” (O Estranho Mundo de Jack). Costurei as meias de modo a parecer que haviam sido remendadas. Na gola e punhos da camiseta segunda pele, também haviam costuras que prendiam as mãos e pescoço da boneca. Nenhum grande resultado, mas uma deliciosa tarde de sábado inventando e costurando, com gatinhos preguiçosos no colo :-)

Boneca